Voltar ao site antigo

Higienópolis

Localizado na região central e conhecido como espigão da Paulista, por ser o local mais alto de São Paulo considerado o melhor I.D.H. (Índice de Desenvolvimento Humano) da cidade.


Por que comprar em Higienópolis?

Localizado na região central e conhecido como espigão da Paulista, por ser o local mais alto de São Paulo é considerado o melhor I.D.H. (Índice de Desenvolvimento Humano) da cidade.

Desde a década de 30, Higienópolis impulsiona a construção de edifícios de apartamentos, arquitetos renomados que laçam tendências no mercado.

Higienópolis uma das regiões escolhidas pela colônia Judaica, instalado na região está o Centro Judaico Bait inaugurado em 18 de setembro de 2005.

Perfil imobiliário

Residencial Higienópolis apresenta um misto de casas e edifícios de alto padrão. Entre os edifícios podemos destacar os seguintes projetos: Santa Amália (Lucjan Korngold), Prudência (Rino Levi e Roberto Cerqueira César), Louveira (João Batista Vilanova Artigas e Carlos Cascaldi/AR Arquitetos), Lily (Giancarlo Palanti), Bretagne (João Artacho Jurado), Paquita (Claudio Libeskind e Sandra Llovet/Luz Ar), Lausanne (Adolf Franz Heep/Apiacás Arquitetos), Arper (David Libeskind/Tânia Eustáquio), Juriti (João Kon/Metro Arquitetos), Solar do Conde (Pedro Paulo de Melo Saraiva e José Maria Gandolfi), Parque de Higienópolis (Jonas Gordon/Oksman Arquitetos), Abaeté (Abrahão Sanovicz), Barão de Pirapitingui (Alberto Botti e Marc Rubin/Felipe Rodrigues, Flávio Borsato e Tatiana Filgueiras).

Gastronomia

Aos apaixonados por uma gastronomia de alta qualidade estão instalados na região o tradicional Famiglia Mancini e Restaurante Cosi, o Shopping Pátio Higienópolis, ponto de encontro para amigos e dispõe de cafés, lojas e outros tipos de serviços.

Transporte Urbano

Localizado na área central, Higienópolis possui fácil acesso a outros bairros facilidade proporcionada pelas principais vias de acesso a Rua da Consolação, Av. Higienópolis, Paulista e Doutor Arnaldo. O transporte público liga praticamente todas as regiões de São Paulo, além das estações de metrô da Linha 2 – Verde Consolação e Paulista.

Lazer e Cultura

Com uma região bem arborizada, duas praças chamam atenção e proporcionam momentos de descontração são elas a Praça Vilaboim, do lado da Faap com intensa movimentação com padaria, restaurantes, lojas e cafés, também o parque Buenos Aires, uma ilha verde na área central.

Ensino

Entre as instituições de ensino, podemos destacar o Instituto Europeu de Design – IED, a Universidade Presbiteriana Mackenzie, que também oferece colégio e a FAAP.

Para aqueles que amam cinema e desejam seguir a profissão a região também abriga a Academia Internacional de Cinema e não podemos deixar de citar a tradicional Escola Panamericana com opções de cursos para desenho e design.

História

Oriundo da Sesmaria do Pacaembu que era dividida em três partes, sendo Pacaembu de Cima, Meio e Baixo. O bairro de Higienópolis está localizado na Pacaembu de Cima, uma propriedade rural que pertenceu à Companhia de Jesus. Com o passar dos anos a classe aristocrata paulistana construíram suas chácaras autossuficientes em água e subsistência.

A grande era do Ciclo do Café impulsionou o crescimento da cidade, em 1893 dois capitalistas alemães Martinho Buchard e Victor Nothmann, empreenderam e trouxeram da França o projeto do segundo loteamento de alto padrão da cidade, lançado em 1895 chamados de Boulevard Bouchard. Já com uma área de 847.473 m² foram adicionados ao loteamento os sítios de Dona Veridiana e Dona Angélica formando o que é hoje o bairro de Higienópolis.

Ocupados rapidamente pele aristocracia do café, fazendeiros, empresários, comerciantes, anglo-saxões e profissionais liberais, traziam beleza arquitetônica para a cidade, com seus palacetes e jardins.