CET: entenda o que é e como é calculado!

Publicado em 19/12/2023 às 08:00 por

O financiamento imobiliário é uma ótima forma de adquirir um imóvel sem comprometer todo o seu patrimônio. Em algumas linhas de crédito, o comprador financia até 80% da compra. Para quem deseja morar bem, isso significa trocar o aluguel pelas mensalidades desse empréstimo — e para que essa transação seja ainda mais vantajosa, é preciso se atentar a três letras: CET.

CET é a sigla para Custo Efetivo Total. Trata-se do custo que o empréstimo terá para o tomador. É muito comum que as pessoas acreditem que o crédito mais barato é aquele com a menor taxa de juros. Nem sempre isso é verdade.

Para ajudá-lo a fazer sempre o melhor negócio, vamos explicar o que é CET e como esse cálculo funciona!

O que é CET?

O Custo Efetivo Total (CET) é um valor que define o quão caro um empréstimo é. Quando tomamos dinheiro emprestado, é natural que foquemos no valor das taxas de juros cobradas pelas instituições financeiras, afinal, são essas taxas que remunerarão essas empresas.

Os juros podem ser influenciados por uma série de fatores, como a variação da Taxa Selic, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), o score de crédito do indivíduo etc.

Além dos juros, quem faz um financiamento imobiliário também precisará pagar taxas, custo com seguros e outros encargos que, somados à taxa nominal de juros, compõem o CET.

Como o CET é calculado?

O CET é regulamentado pelo Banco Central (BC). Em seu site, o BC explica quais elementos devem ser usados para o cálculo do CET:

  • FC0 = valor do crédito concedido, deduzido, se for o caso, das despesas e tarifas pagas antecipadamente
  • FC1 = valores cobrados pela instituição, periódicos ou não, incluindo as
  • amortizações, juros, prêmio de seguro e tarifa de cadastro ou de renovação de cadastro, quando
  • for o caso, bem como qualquer outro custo ou encargo cobrado em decorrência da operação;
  • j = j-ésimo intervalo existente entre a data do pagamento dos valores periódicos e
  • a data do desembolso inicial, expresso em dias corridos;
  • N = prazo do contrato, expresso em dias corridos;
  • dj = data do pagamento dos valores cobrados, periódicos ou não (FC~);
  • d0 = data da liberação do crédito pela instituição (FC0).

As empresas financeiras devem usar a mesma fórmula matemática e esse cálculo precisa considerar todos os elementos citados pelo BC. Além disso, o consumidor deve ser informado claramente sobre o valor do CET que está no contrato.

Como economizar com o Custo Efetivo Total (CET) do financiamento?

Uma forma de buscar linhas de financiamento mais baratas é optando por aquelas que têm taxas de juros menores. Ainda que o CET não seja composto apenas pelos juros, é fato         que eles podem influenciar esse indicador.

O financiamento imobiliário conta com a obrigatoriedade da contratação de um seguro de vida. Esse seguro quitará o empréstimo, caso o contratante faleça. Nesse caso, o comprador pode escolher o seguro mais barato, com coberturas mais simples. Isso o ajudará a economizar com o CET.

Contudo, é preciso verificar se essa economia vale a pena. O seguro é um importante instrumento de proteção do imóvel e muitas seguradoras oferecem coberturas vantajosas. Se a contratação de um produto mais robusto não impactar muito o custo da mensalidade do financiamento, é recomendado escolher sempre a proteção mais completa.

Como uma assessoria de financiamento ajuda a economizar no CET?

A assessoria de financiamento imobiliário é uma grande aliada de quem quer ter acesso às melhores condições de financiamento. A Zimmermann oferece esse tipo de suporte a todos os interessados, ainda que a intermediação da compra não tenha sido feita conosco.

Nossa equipe avalia as condições contratuais, incluindo o CET, de todas as financeiras aptas a realizar o financiamento. Após identificar a empresa que oferece as melhores condições, tomamos a frente nas negociações e acompanhamos o processo até que ele termine.

Dessa forma, nossos clientes têm mais segurança durante toda essa transação, além de terem a certeza de que conseguiram ter acesso às melhores linhas de financiamento imobiliário.